06/12/2019  às 14hs59 - Atualizado em 06/12/2019  às 16hs14

Geral

Acidentes graves na Serramar preocupam autoridades

Prefeito e vereadores de Orleans, junto a moradores do distrito de Pindotiba, fizeram pedidos de redutores de velocidade à Coordenadoria Regional de Infraestrutura Sul.


Representantes da Coordenadoria Regional de Infraestrutura Sul se reuniram com o prefeito, vereadores e moradores de Orleans – Foto: Ketully Beltrame

Representantes da Coordenadoria Regional de Infraestrutura Sul se reuniram com o prefeito, vereadores e moradores de Orleans – Foto: Ketully Beltrame


Tendo em vista graves acidentes registrados na SC-390, no trecho conhecido por Serramar, entre Orleans e Pedras Grandes, no distrito de Pindotiba, autoridades políticas e moradores locais se mobilizaram em busca de intervenções na rodovia. Nesta terça-feira, dia 3, o prefeito Jorge Koch, os vereadores Antônio Dias André, o Geada, e Rodinei Pereira, o Galego, se reuniram com o coordenador Regional de Infraestrutura Sul, Gustavo Taufembach, e o engenheiro Douglas.


O objetivo do encontro foi apresentar os pontos de maior risco e solicitar redutores de velocidade. Entre os acidentes de trânsito, o ocorrido recentemente, no dia 15 de novembro, por volta das 17h30min, vitimou Cláudio Júnior Borges Laurindo, de apenas 20 anos. Trata-se de uma colisão envolvendo uma Honda CG e um Ford Fusion. Um adolescente de 16 anos ficou em estado grave. Conforme informações da Polícia Militar (PM), que atendeu a ocorrência, o motorista do veículo, de 32 anos, cortou a frente da motocicleta.


Por se tratar de uma rodovia que liga a serra ao litoral catarinense, aos fins de semana, o movimento é intensificado. Para evitar que mais vidas sejam perdidas, a comunidade decidiu por formalizar as reivindicações. "Quando a comunidade se separa quem sofre é o povo. Eu e o vereador Galego estamos juntos fazendo essa reivindicação porque, obviamente, depois de sentir que um carro teve perda total porque tombou e que duas pessoas faleceram neste trecho, nós temos que reagir e agir de forma que possa se resolver, principalmente nos pontos de maior periculosidade, pois não é possível continuar da forma que está. Está muito perigoso e, infelizmente, as pessoas exageram na velocidade e apenas com lombada é que o problema será solucionado”, afirmou o vereador Geada.


Representantes da Coordenadoria Regional de Infraestrutura Sul se reuniram com o prefeito, vereadores e moradores de Orleans – Foto: Ketully Beltrame

O vereador Galego explicou quais os pontos que carecem de intervenção. "Estamos reivindicando que se coloquem lombadas aqui na região, no distrito de Pindotiba, que seriam duas próximas ao Posto Serramar e outras duas próximas às lanchonetes Gargamel e Pereira, que são os locais onde são registrados mais acidentes com vítimas fatais. Como vereador, estamos dando apoio ao pedido dos moradores. Vamos lutar para que isso ocorra o mais rápido possível para que acabe com estes acidentes que trazem tantos riscos”.


O coordenador Regional de Infraestrutura Sul, Gustavo Taufembach, por sua vez, explicou que a visita objetivou averiguar a situação para aí então analisar qual a melhor solução. “As reivindicações são uma solicitação do vereador Geada que esteve há uns 15 dias na Coordenadoria de Criciúma pedindo uma visita para verificar a real situação do local e analisar, junto com o engenheiro, quais são as demandas e qual a melhor solução que podemos realizar para solucionar este problema. Os pedidos são de elementos que venham reduzir os acidentes que vêm ocorrendo, mas o que será feito é que ainda iremos analisar, seja lombada, faixa elevada ou algum outro que reduza a velocidade”.


Moradores fazem solicitações visando segurança no acesso ao bairro Corridas


Na SC-108, acesso ao bairro Corridas, em Orleans, moradores locais também estão preocupados com a insegurança no trânsito e têm tomado providências. A Associação dos Moradores do Bairro Corridas convocou, no dia 15 de outubro, uma reunião com representantes da Administração Municipal e com a Coordenadoria Regional de Infraestrutura Sul. O encontro ocorreu às margens da rodovia estadual, às 17 horas, horário de intensa movimentação de carros, motocicletas, ônibus e caminhões.


O trecho da SC-108, que liga as cidades de Orleans e Urussanga, dá acesso ao bairro mais populoso de Orleans, com por volta de 5 mil habitantes, e também a um restaurante e a um posto de combustíveis. Entre os pedidos realizados, estava a instalação de uma rótula ou o prolongamento para os dois sentidos da rodovia da lombada já existente em apenas uma das pistas, no sentido Urussanga/Orleans. Solicitaram também que seja alterada a velocidade máxima permitida, que atualmente é 80 km/h, para 60 km/h e a instalação de uma lombada nas duas pistas a 50 metros da entrada do bairro. Isso porque, com a lombada em apenas um dos sentidos da SC-108, motoristas acabam desviando e ultrapassando pela pista contrária.


O prefeito de Orleans, Jorge Koch, e o coordenador Regional Sul da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Gustavo Taufembach, participaram da reunião. Na ocasião, eles ouviram as reivindicações feitas pelos 20 moradores, aproximadamente, que apresentaram as principais causas de acidentes registrados no local. Além disso, tiveram a oportunidade de presenciar pessoalmente as infrações cometidas por motoristas imprudentes, no momento em que os fatos eram apresentados. As autoridades ouviram as reivindicações e se comprometeram a levar para conhecimento do secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Carlos Hassler.


Redação Notícias JH


06/12/2019  às 14hs59