07/11/2017  às 09hs51

Economia

Caso JBS: audiência pública define encaminhamentos


Foto: DN Sul

Foto: DN Sul

A audiência pública convocada pelo deputado estadual Rodrigo Minotto para esta segunda-feira, 6, na Assembleia Legislativa (Alesc), sobre a situação dos trabalhadores da JBS de Morro Grande, contou com a participação da Confederação e da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação, Ministério do Trabalho e Emprego, Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação de Criciúma e Região (Sintiacr), além de funcionários do setor e do prefeito Valdionir Rocha, o Vado. Nenhum representante da empresa compareceu.

No encontro foi decidido que será agendada uma reunião com a Procuradoria-Geral da República (PGR) para sugerir uma cláusula no acordo de leniência do Grupo J&F, que controla a JBS. O acordo de leniência é uma das precondições para venda de empresas e para a renegociação de dívidas do grupo com os bancos. “Esta cláusula impediria uma possível demissão em massa de trabalhadores. O que aconteceu com a unidade de Morro Grande é uma alerta para as demais. Só Santa Catarina tem mais de dez unidades da JBS, com cerca de 16 mil funcionários, sem contar os integrados. A proposta será discutida com PGR e Ministério do Trabalho”, explica Minotto.

Financiamento dos aviários

Também impactados pelo fechamento da unidade de abate de frangos de Morro Grande, os avicultores foram lembrados na audiência pública. Muitos pegaram empréstimos em bancos para investimentos nos aviários na expectativa de que a planta local ainda fosse atuar por muitos anos. “Vamos às superintendências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica solicitar que deem mais prazo e parcelamentos para o pagamento das dívidas, isto até que os integrados se estabeleçam nas outras unidades”, comenta o deputado.
Outra proposta levantada é analisar junto ao Governo do Estado quais incentivos fiscais foram dados para a JBS e de que forma isto pode ser revertido na exigência de que não haja mais demissões.

 

Com informações do site DN Sul


07/11/2017  às 09hs51