04/06/2019  às 15hs40

Polícia

Criciúma: jovem confessa autoria de homicídio

Ele compareceu à delegacia atendendo a intimação policial na tarde desta segunda-feira



Na tarde desta segunda-fera, dia 3, um jovem de 25 anos compareceu na Divisão de Investigação Criminal (Dic) de Criciúma, acompanhado de advogada, e confessou ser o autor da morte de Amauri da Silva, de 54 anos. A informação é do delegado André Milanesi.


O jovem alegou que na noite do dia 26 de maio deste ano, por volta das 20h30, foi até a casa da vítima para conversar sobre a discussão que tiveram naquela tarde e os dois acabaram entrando em luta corporal. Foi então que o jovem golpeou a vítima com um pedaço de madeira que trazia  consigo. O objeto foi encontrado pelos agentes da divisão de homicídios em um terreno baldio nos fundos do casa da vítima. Na manhã do dia 27 de maio de 2019, Silva foi encontrado morto no interior de sua casa no bairro Renascer, com várias lesões na face, cabeça e costas. 


O jovem compareceu a delegacia atendendo a intimação policial. O rapaz já possui antecedentes policiais por embriaguez ao volante  e porte de arma de fogo. Está sendo indiciado pelo homicídio, crime qualificado pelo motivo fútil e crueldade. 


Esse foi o 8º e último homicídio praticado na cidade esse ano. Dos oito homicídios, seis já foram esclarecidos pelas forças policiais da cidade. 


 


Fonte: Engeplus


04/06/2019  às 15hs40