19/07/2019  às 13hs34

Esportes

Fora de casa, Brusque foi derrotado pelo placar mínimo

Neste domingo, o compromisso será no Augusto Bauer.


Brusque (de uniforme amarelo e vermelho) largou atrás por uma vaga na Série C/2020.
Foto: Lucas Cardoso

Brusque (de uniforme amarelo e vermelho) largou atrás por uma vaga na Série C/2020. Foto: Lucas Cardoso


Em desvantagem. O Brusque Futebol Clube, única equipe que ainda representa Santa Catarina no Campeonato Brasileiro de futebol – Série ‘D’ no corrente ano, viajou até o Nordeste do país para enfrentar a Juazeirense, da Bahia, pelo jogo de ida da fase de quartas-de-final da referida competição. Sob forte calor e gramado seco na tarde da última segunda-feira (15), os catarinenses foram derrotados pelo placar de 1 a 0 no Estádio Adauto Moraes, no município de Juazeiro e agora, precisarão reverter a situação atuando em casa para alcançar o acesso a Terceira Divisão em 2020.


Além do calor e da viagem desgastante até o interior baiano, o Brusque encontrou dentro de campo um adversário que há muito tempo não sabe o que é derrota atuando em seus domínios. Empurrada pela sua torcida no dia do aniversário da cidade, a Juazeirense fez valer o “fator casa” e entrou em campo disposta a vencer. Diante de um gramado bastante irregular, o que dificultou a troca de passes, o time baiano explorou os arremates de média e longa distância, até ser premiado aos 25 minutos da primeira etapa num belo gol de “Cezinha”.


Por sua vez, o Brusque não se abateu e correu atrás do empate. Porém, sofreu com o estado do gramado, levando também a arriscar chutes de fora da área. As tentativas foram muitas, todavia sem êxito. Já nos acréscimos, quase o gol de igualdade: Leilson (B) teve a melhor oportunidade para os visitantes, porém esbarrou no goleiro Gleibson.


O segundo e decisivo confronto entre Brusque e Juazeirense acontece neste domingo, 21 no Estádio Augusto Bauer às 16h. Para obter a classificação para as semifinais e conseqüentemente, garantir o acesso a Terceirona nacional, a equipe do técnico Waguinho Dias precisará vencer por no mínimo, dois gols de diferença; vitória por um gol levará a disputa para as penalidades máximas. Lembrando que nesta fase, NÃO há o critério do gol qualificado.


Demais resultados – “ida”: Caxias/RS 1x0 Manaus/AM, Floresta/CE 2x2 Jacuipense/BA e Ituano/SP 3x1 Itabaiana/SE; já a “volta” destas partidas acontece também neste fim de semana, mudando apenas a ordem do mando de campo.


19/07/2019  às 13hs34