17/09/2019  às 07hs44

Polícia

Justiça nega liberdade após ameaça

O pedido de habeas corpus foi negado pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC). O caso aconteceu em Tubarão, e o acusado está preso desde julho.



O homem de 38 anos preso por exigir dinheiro e aparelhos celulares de sua ex-namorada, sob ameaça de divulgação de fotos e vídeos íntimos, seguirá na prisão.

O pedido de habeas corpus foi negado pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC). O caso aconteceu em Tubarão, e o acusado está preso desde julho.

De acordo com o processo, o homem é acusado de extorsão, divulgação de pornografia, ameaça, difamação e injúria. Ele e a vítima namoraram durante seis meses, e, segundo o TJ, mantinham um relacionamento extraconjugal. Após o fim do relacionamento, o homem exigia, pelo
WhatsApp, que a mulher cumprisse seus pedidos.

Com a recusa, o homem teria criado perfis falsos no Facebook e divulgado as imagens nos perfis dos familiares da vítima. Não satisfeito, ainda pelas redes sociais, teria feito ameaças contra a ex. O homem foi preso, na época, em Balneário Camboriú, onde estava residindo.

A defesa do réu afirmou que ele não tem antecedentes, tem ocupação lícita, residência fixa e família constituída. Porém, de acordo com o relator da matéria, desembargador Júlio César Ferreira de Melo, a presença de circunstâncias pessoais favoráveis não tem o condão de garantir a revogação da prisão.


 


Fonte: Diário do Sul


17/09/2019  às 07hs44