10/08/2017  às 06hs29

Geral

Latam e Gol surgem como alternativas para voos no aeroporto de Jaguaruna


Foto: Gabriel Felipe/RBS TV

Foto: Gabriel Felipe/RBS TV

Em busca de solucionar o horário de voos no Aeroporto Regional Humberto Bortoluzzi, o presidente da Acic, César Smielevski, esteve reunido nesta quarta-feira com o diretor comercial da RDL Aeroportos, André Constanzo. Com o anúncio da Azul em suspender os voos que partem pela manhã de Jaguaruna com destino a São Paulo e retornam no fim do dia, a preocupação das entidades empresariais aumenta com a possibilidade de inviabilizar o aeroporto no prazo de um ano.

“A RDL se mostrou também muito preocupada com a perda desses horários de voos e nos disse que está em contato com a Azul numa tentativa de reverter a decisão. Além disso, a administradora fez contato com a Latam para que estude a possibilidade de ofertar os horários atuais da Azul”, explica Smielevski. A Latam solicitou um prazo de 15 dias para analisar a proposta. Conforme o presidente da Acic, a Gol também manifestou interesse em operar no aeroporto.

Ainda segundo Smielevski, os voos da Azul têm ocupação média de 80%, o que não justifica inviabilidade técnica. Na tarde desta quarta-feira, o presidente da Acic também esteve reunido com o secretário da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Criciúma, João Fabris, para tratar do assunto. “Durante o encontro conversei com o diretor de Transportes da Secretaria de Estado da Infraestrutura, José Carlos Müller Filho, que também se mostrou empenhado no assunto”, reforça Smielevski.

Dnit alega falta de recursos para melhorias no trecho Sul da BR-101

Inviabilidade econômica foi a justificativa apresentada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) quanto a solicitação enviada pelas entidades empresariais do Sul para melhorias do pavimento e sinalização horizontal da BR-101 no trecho que compreende o pedágio de Palhoça a Passo de Torres.

“Quanto a solicitação de melhorias do pavimento, estas estão sendo realizadas dentro de um planejamento feito com base nas restrições orçamentárias impostas pelo período de crise político-econômica que atravessa o país. Já a sinalização horizontal, estamos aguardando empenho de recurso financeiro necessário para executar a revitalização de todo o segmento sob nossa responsabilidade”, justifica o analista de Infraestrutura do Dnit, o engenheiro Robson Medeiros de Oliveira.

“A solução é agilizar a concessão da rodovia. O deputado federal Ronaldo Benedet me informou hoje que esteve com o presidente da Agência Nacional de Transportes Terrestres colocando este assunto na pauta”, destaca o presidente da Acic.

 

Colaboração: Deize Felisberto/Comunicação Acic


10/08/2017  às 06hs29