31/08/2017  às 09hs46

Educação

Lauro Müller consegue zerar filas de espera para vagas em creches


Foto: Divulgação

Foto: Divulgação


O Município de Lauro Müller comemora nesta semana uma importante conquista na área da educação. As filas existentes para matrículas de novas crianças foram zeradas. Atualmente, o município, que há anos enfrentava este grave problema, não possui nenhuma criança aguardando vaga nos Centro de Educação de Infantil - CEI.


O assunto, considerado de extrema importância, foi inclusive motivo de uma Ação Pública movida contra o Poder Executivo, em 2012, a fim de que regularizasse esta situação. Em dezembro de 2016, o Poder Judiciário julgou procedente, condenando o município e determinando que esta situação fosse regularizada de imediato.


O prefeito Valdir Fontanella, ao lado de profissionais que integram a equipe da Secretaria de Educação, visitou ontem o CEI Irani Vargas, maior do município. “Essa conquista mostra o nosso comprometimento com a educação e com o município de Lauro Müller. Nossa gestão, independentemente da área, tem buscado solucionar os problemas de forma global, sem beneficiar um ou outro especificamente. E é assim que iremos continuar trabalhando, comprometidos com a qualidade de vida e em atender os anseios de toda população”, enfatizou Fontanella.


Conforme a secretária interina de Educação, Heloisa Ribeiro Gonçalves Fontanella, a equipe de profissionais que atua na secretaria, junto à equipe dos CEI’s, fe um mapeamento em todas as unidades, verificando a quantia de alunos por turma, obedecendo à Lei que preconiza o número de crianças em cada sala de aula.


Além disso, abriu-se uma nova turma de berçário no CEI Irani Vargas. “Essas foram algumas das medidas tomadas para que pudéssemos chegar a este feito e hoje poder dizer que todas as crianças do município que solicitaram matrículas tiveram as mesmas efetivadas e estão frequentando as aulas” registrou a secretária interina.


Ainda conforme Heloisa, o maior número de crianças que estava na lista de espera era de crianças de uma faixa etária menor, zero a um ano e meio. Somente na área da educação infantil, atualmente o município atende 763 crianças.


31/08/2017  às 09hs46