05/11/2017  às 10hs33

Religião

Orquestra Adoração faz sua primeira apresentação em Lauro Müller


Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Diante de uma igreja completamente lotada, onde muitos visitantes tiveram que ficar de pé, inclusive, a Orquestra da Assembleia de Deus de Lauro Müller, que recebeu o nome de ‘Orquestra Adoração’, fez sua primeira apresentação em público, na noite desse sábado (4), no templo sede da Assembleia de Deus.

Dezenas de pessoas não evangélicas da cidade, entre as quais empresários e até o representante do Executivo Municipal, vice-prefeito Pedro Barp Rodrigues, junto com sua esposa dona Miriam, estiveram presentes no evento religioso, que recebeu ainda, a visita do pastor presidente da igreja Batista de Lauro Müller, Auridio Elias da Silva.

A orquestra é regida pelo maestro e professor de música Marciel Cardoso Miguel, de Içara. “Começamos este trabalho aqui em Lauro Müller faz poucos meses, em abril pra ser exato. Pra falar a verdade os ensaios com as músicas que apresentamos ocorreram nos últimos dois meses. Costumo dizer por onde passo que não sou maestro ou professor e sim um formador de orquestras”, disse o maestro que já formou inúmeras orquestras e trabalha atualmente para formar novos grupos em Urussanga, Ilhota, Biguaçu, São Francisco do Sul e claro o de Lauro Müller.

O início do projeto partiu de um propósito do pastor presidente da Assembleia de Deus de Lauro Müller, Rubens da Silva, com apoio de seu Filho Rubens Júnior, o Rubinho como é chamado, que já é músico. “Pra mim isso que está acontecendo aqui hoje é um milagre. Pois, em tão pouco tempo pegar adolescentes e adultos, a maioria que nunca teve contato com instrumentos musicais, e, fazê-los tocar em tão pouco tempo de aprendizagem é algo fora do comum. Este projeto é sério e voltado para Deus e já está dando bons frutos”, comentou o pastor Rubens, acrescentando que a Orquestra Adoração não é só da Assembleia de Deus, mais sim de toda cidade, é do povo de Lauro Müller.

O trabalho de formação da orquestra continua, pois as aulas de música com a primeira turma ainda ocorrem durante todo o ano de 2018. Novos alunos devem ser incluídos no projeto a partir do ano que vem.


05/11/2017  às 10hs33