07/07/2018  às 14hs11

Polícia

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio


O latrocínio do empresário Paulo Gomes, de 50 anos, registrado no último sábado, 30 de junho, em Sombrio, foi elucidado pela Polícia Civil do município, menos de uma semana depois de ter acontecido. Na manhã dessa sexta-feira (6), um jovem de 18 anos foi preso preventivamente e um adolescente, de 17 anos, foi apreendido, por terem sido apontados pela investigação como autores do crime.

Conforme o delegado de Polícia Civil de Sombrio, Luís Otávio Pohlmann, em sua própria residência, no bairro Januária, a vítima foi encontrada já sem vida, com sinais de espancamento e com o pescoço e pulsos amarrados com fitas plásticas. “Assim que registrado o latrocínio, os policiais começaram as investigações imediatamente. Foram roubados um videogame, um notebook e certa quantia em dinheiro. Os autores planejaram e executaram o crime a fim de angariar valores para saldar débitos relativos ao tráfico de drogas”, explica.

Vizinho da vítima

As investigações ainda apontaram que o adolescente suspeito residia ao lado da casa do empresário assassinado. “Após a devida identificação, fizemos os pedidos e o Poder Judiciário concedeu a prisão preventiva para o jovem e a internação provisória para o adolescente”, completa a autoridade policial.

Os mandados foram expedidos pela Comarca de Sombrio e cumpridos pelos policiais civis do município. Ainda de acordo com Pohlmann, o jovem foi detido em seu local de trabalho, no interior de Timbé do Sul, e o adolescente foi encontrado em sua própria residência. “Posteriormente, ambos foram encaminhados à delegacia para os procedimentos policiais e aguardam transferência pelo Departamento de Administração Prisional e Departamento de Administração Socioeducativo”, finaliza.

Com informações de Francine Ferreira / Clicatribuna


07/07/2018  às 14hs11