13/07/2020  às 11hs36 - Atualizado em 14/07/2020  às 11hs44

Geral

Psicóloga alerta para a importância do conhecimento no combate à violência contra a mulher



A psicóloga Daniela Tezza Canever concedeu entrevista à Guarujá nesta segunda-feira, dia 13, para falar sobre violência contra a mulher. Entre os assuntos abordados por ela, estava o que é e os tipos de violência doméstica, as consequências do isolamento para quem vive em um relacionamento abusivo, os reflexos da violência na vida da vítima e como identificar possíveis vítimas e de que forma é possível abordá-las e ajudá-las.


Segundo ela, para que as mulheres possam sair de situação de violência, o acesso à informação é fundamental. "É importante que a mulher esteja empoderada e sempre sabendo dos direitos dela, que ela tenha conhecimento e entendimento se está sofrendo violência ou não. Muitas vezes, a questão patriarcal vai se naturalizando ao longo do tempo e essa mulher nem percebe que está sendo vítima", ressaltou.


Além disso, a ajuda inicial de um amigo ou familiar pode ser crucial para que a vítima de violência doméstica fale e peça ajuda. "A forma como devemos abordá-las é sempre tentar acolher e escutar. Dizer que está percebendo que alguma coisa não está indo bem em seu modo de vida. Também podemos sugerir que a pessoa procure profissionais que possam auxiliá-la na resolução deste problema, pois conhecimento é poder", afirmou, acrescentando que o poder público oferece assistência psicológica e jurídica às vítimas. Denúncias através do 180 podem ser feitas de forma confidencial, preservando o anonimato.


Confira a entrevista completa neste link.


13/07/2020  às 11hs36