23/02/2021  às 14hs42

Saúde

Psicóloga faz importante alerta sobre as consequências da cultura do cancelamento


Foto: Reprodução / Internet

Foto: Reprodução / Internet


A cultura do cancelamento foi o tema abordado durante a entrevista com a psicóloga e professora da Unesc, Denise Nuremberg, nesta terça-feira, dia 23, na Rádio Guarujá.


Na ocasião, ela explicou sobre este comportamento, que tem se tornado a cada dia mais comum, sobre como ele influencia na saúde mental de quem é alvo, a que ponto se torna uma tortura psicológica e sobre como evitá-lo, buscando sempre uma comunicação não violenta, a fim de educar e conscientizar.


"Hoje se bate tanto na tecla de não julgar e sim tentar entender determinadas situações para aprofundar a nossa visão do que está acontecendo, mas isso não tem acontecido. Isso pode ocasionar um isolamento e muitas pessoas podem entrar em depressão e até um estresse pós-traumático", esclareceu. Segundo a profissional, a empatia nestes casos é fundamental. "Todos nós erramos em algum momento. O primeiro passo é querer entender o que está acontecendo. O ser humano tem o dom da comunicação e a melhor forma de a gente conseguir ter um melhor relacionamento é conversando, se colocando no lugar da outra pessoa. Aí aparece a empatia, que é tentar entender o ponto de vista do outro. Muitas vezes, ao se colocar no lugar do outro, a gente consegue entender", ressaltou.


Confira a entrevista completa neste link!


23/02/2021  às 14hs42