13/05/2019  às 18hs43

Polícia

Suspeito de matar ex-companheira em Tubarão se entrega à polícia

O caso, tratado como feminicídio, está em investigação pela Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCami)


Divulgação/Polícia Civil

Divulgação/Polícia Civil

Texto Portal Agora Laguna
Edição, Redação LnS

 

O suspeito de matar a ex-companheira Adriana Joaquim de 45 anos, A.J.P., 55 anos, se entregou na manhã desta segunda-feira (13) ao Batalhão da Polícia Militar de Tubarão. O crime ocorreu na tarde deste domingo (12), no Bairro Oficinas, em Tubarão.

O caso, tratado como feminicídio, está em investigação pela Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCami), da Polícia Civil de Tubarão. O crime ocorreu na Rua Laguna, no bairro Oficinas, nas proximidades do Loteamento Soratto, em Tubarão por volta das 13h40 de domingo.

O suspeito, que é policial militar aposentado, arrombou a porta da casa da vítima e disparou dois tiros na cabeça da mulher. A mulher não resistiu e morreu na própria casa. Os policiais procuravam o suspeito desde a tarde deste domingo. As guarnições encontraram na casa do suspeito uma espingarda e muitas munições. Também já havia sido apreendido o carro usado pelo homem para fugir após o crime.


13/05/2019  às 18hs43