29/08/2019  às 14hs13

Saúde

Visita apenas em horário comercial na FHSO gera reclamações em Orleans

Com o intuito de solucionar impasse, foi definido, em reunião, que visitas poderão ser realizadas também durante o horário de almoço.


Foto: Divulgação FHSO

Foto: Divulgação FHSO


As visitas apenas em horário comercial na Fundação Hospitalar Santa Otília (FHSO), de Orleans, causava empecilho para quem trabalhava durante todo o dia e precisava visitar algum familiar ou amigo enfermo. Para as internações pelo Sistema Único de Saúde (SUS), as visitas poderiam ser realizadas das 8h às 12h e das 13h30 às 18h. Já pela rede particular, o horário é das 8h às 21h. Tal fato gerou reclamações por parte de pessoas que ficavam impossibilitadas devido ao choque de horário.


O administrador da FHSO, Edvan Della Giustina, explica que tal medida foi tomada para garantir a segurança e a comodidade dos pacientes, dos profissionais e dos visitantes. “Quanto menos pessoas circularem no interior do hospital, é melhor. Tendo em vista que os pacientes são internados por alguma doença, há risco de os visitantes contraírem. Esse risco existe e não podemos ignorar. Isso é uma questão de segurança para elas próprias. Outra questão é o trabalho de enfermagem, principalmente de medicação. Como há alguns quartos pequenos, se tem muitas pessoas nele, acaba atrapalhando um pouco”, explicou.


Contudo, tendo conhecimento dessa dificuldade para quem trabalha ou mora longe, a administração da FHSO buscou, em reunião, uma solução para este problema. “A alternativa que encontramos foi estender a possibilidade de visita também durante o horário de almoço. Inclusive, faremos alguns folders explicativos quanto a isso. Mas não dá para estender muito, justamente pelas razões já citadas”, informou.


Sobre a FHSO – A fundação hospitalar foi fundada em Orleans há 81 anos, como hospital municipal. Posteriormente, passou a ser fundação de direito privado, sem fins lucrativos, atendendo pelo SUS e também através de convênios. Entre os serviços prestados, estão: ambulatório de especialista, centro cirúrgico, internação clínica e cirúrgica, maternidade, setor de emergência 24 horas e geriatria. O corpo médico da FHSO é composto por 20 profissionais, entre fonoaudiólogo, ginecologista, ortopedista, vascular, anestesista, pediatra, cirurgia geral, neurologista, endócrino, otorrinolaringologista, oftalmologista, clínico geral e plantonista.


Redação Notícias JH


29/08/2019  às 14hs13