21/05/2021  às 17hs31 - Atualizado em 21/05/2021  às 17hs41

Polícia

Polícias Civis de São Paulo e Santa Catarina prendem suspeito de latrocínio de taxista em Içara


Foto: Divulgação

Foto: Divulgação


No dia 31 de Março, a Polícia Civil (PC) obteve conhecimento do desaparecimento de Paulo Eduilio Neves Marques. Após receber informações a PC iniciou diligencias nas quais encontraram o corpo do homem, com lesões no corpo e sem vida, comunidade de Linha Cabral, em Morro da Fumaça. Após investigações conduzidas com apoio do Instituto Geral de Perícias (IGP), foi identificado W. da S. B., 32 anos, como possível autor do crime. Diante disso, em 5 de maio, pouco mais de um mês depois do delito, a Polícia Civil representou pela prisão temporária do suspeito, tendo as investigações apontado que ele fugiu para o Estado de São Paulo e estaria internado em uma clínica em Itapecerica da Serra/SP. Após a troca de informações com a Polícia paulista prendeu o investigado. Ele será transferido para Santa Catarina, onde será interrogado.


O veículo da vítima Toyota Corolla, foi encontrado batido no Bairro Brasília, em Criciúma, no dia do crime com diversos objetos dentro, inclusive dois telefones celulares.


A investigação contou com o apoio dos policiais civis de Criciúma, Içara e Morro da Fumaça e dos agentes Márcio João de Souza e Luíza Brunato Weber.


Em menos de um mês a Comarca de Urussanga registrou três latrocínios, todos elucidados pela Polícia Civil de Santa Catarina.


 


Colaboração: Polícia Civil


21/05/2021  às 17hs31
...